Número total de visualizações de página

sábado, 14 de março de 2015

1550 gramas de peixe...?


Até que enfim.

Meus amigos,  hoje bem cedo lá foi eu desta vez sozinho, mas com a mesma vontade de sempre, rumo
ao mar.
As previsões não seria as melhores, mas o vicio esse é sempre mais forte, o tempo estava bom, vento fraco, céu limpo!o mar esse é que estava um pouco acima do desejado mas eu ia preparado, com material capaz de fazer frente as mais adversas condições meteorológicas.
A minha Daiwa Emblem Pro 1303 HFS 3.90, e o meu Shimano 5500 XSC isto é claro, que para poder chegar mais longe, teria que contar com a ajuda dos chivos galegos.
(Trazia no estômago)
Chegada ao pesqueiro mesmo ao romper do dia, o mar estava ideal para os chivos e foi graças a eles
que surgiu o momento do dia.
Isto aconteceu já quase a meio da manhã, depois de algumas dezenas de lançamentos eis que surge o momento Zássss... que sensação, olho para a cana tum...tum...tum... calma  o mar estava difícil não queria perde-lo de maneira nenhuma.
Lentamente comecei a fazer uma analise relativamente ao seu porte, e o melhor caminho para o colocar em terra, com calma lá consegui.


O Troféu





Ficha Técnica

Espécie: Robalo
Peso: 1,550 Kg
Cana: Daiwa Emblem Pro 1303 HFS
Carreto: Shimano Ultegra 5500 XSC
Amostra: Chivo Galego



Pedro Oliveira

quarta-feira, 11 de março de 2015

A Família Amadores ao Spinning








Daiwa R`Nessa Seabass 1002 HXHFS

Boas Amadores, como já é habitual, sempre que fazemos uma aquisição de novo material, fazemos um post, onde damos a nossa opinião sobre a sua qualidade, e comportamento em acção.
Pois bem, já algum tempo que eu andava a pensar comprar uma nova cana, mas que fosse diferente da minha Vega Raptor, em termos qualidade de montagem, blank, e acção, feitas algumas pesquisa online, e em algumas das lojas da minha zona, descobri, e mais uma vez, apenas na minha opinião ( vale o que vale ) uma verdadeira preciosidade se tivermos em conta que se trata de uma cana, que com jeitinho, anda abaixo dos 95 euros, bom mas vamos ao que interessa.
Esta cana é a Daiwa R`Nessa Seabass 1002 HXHFS, que a meu ver, era o que eu procurava já algum tempo, uma cana muito boa, a um preço bastante convidativo.
Esta excelente cana, foi lançada este ano no catalogo de 2015, eu diria mesmo que é uma evolução da Daiwa R´Nessa Saltwater 902 HFS, modelo de 2014, o novo modelo está mais leve, mais comprida, e tem uma maior acção, está mais sensível, e vem equipada com os novos passadores Fuji O e o porta carreto invertido, exclusivo da Daiwa.
Fabricada em carbono HVF, Higt Volume Fiber, e montada com a tecnologia X45, a mesma das canas de topo, a Daiwa R´Nessa tem 3,05 mt
com CW 14, 56, e pesa apenas 171g.
Com 10 passadores Fugi concept O, e porta carreto exclusivo da Daiwa, faz desta cana uma verdadeira delicia, para quem procura qualidade e preço em perfeita harmonia.




Relativamente ao comportamento desta vara em acção, a leveza desta cana vem logo ao de cima, principalmente para quem estava habituado a material mais pesado, facilmente nos apercebemos que é bastante equilibrada, a acção de ponta é algo macia, o que faz com que seja mais sensível ao toque, o comprimento da base é bastante generoso, o que permite lançar amostras a grandes distancias.
Foram testadas amostras de vinil e de paleta entre as 16 g e as 40g, e todas elas sentimos na perfeição o seu trabalhar dentro de água, e mesmo nas mais leves conseguimos distancias de lançamento bastante generosas.
Estou muito satisfeito com esta compra, agora ´só falta o 1º peixe.
cumprimentos a todos, Amadores 4 ever




João Vicente.